Loja Mestre Cervejeiro inaugura em São José dos Campos

[sinopse datas=”true” imprensa=”4″]

No dia 09 de agosto, a rede de lojas de cervejas artesanais MestreCervejeiro.com abre as portas da sua primeira unidade em São José dos Campos – SP, Região Metropolitana do Vale do Paraíba e mais importante polo aeronáutico e aeroespacial da América Latina. O evento de inauguração é aberto ao público e terá inicio às 18h. Com uma localização privilegiada, o município está próximo tanto do litoral quanto de regiões serranas, estando estrategicamente situado entre São Paulo e o Rio de Janeiro.

Por ter uma excelente infraestrutura comercial, consolidou-se como o centro consumidor regional, recebendo um fluxo de pessoas bastante grande todos os dias. “São José dos Campos é uma das cidades mais importantes do Estado e muito estratégica para a nossa rede. É uma região economicamente muito relevante, com um dos maiores pólos industriais do país, e com uma rotatividade diária bastante alta de consumidores que conhecem e apreciam nosso tipo de produto”, afirma Daniel Wolff, diretor da rede.

Localizada na Rua Euclides da Cunha, 67, na Vila Ema, a loja de 65 m² abrirá com 150 rótulos – com destaques para Dogma (São Paulo/SP), Shepherd Neame (Inglaterra), Anchor (EUA) -, além de um mix de produtos, como camisetas da marca, kits cervejeiros, taças, copos, e petiscos gourmet.

Os franqueados Tiago Spinelli e Vanessa Secchin são apreciadores de cervejas desde 2012 e tiveram o primeiro contato com o universo cervejeiro por meio de viagens. Se encantaram tanto que passaram a pesquisar sobre a bebida, fizeram cursos e participaram de brassagens. “Hoje, podemos dizer que temos experiência de consumidores, mas que conhecemos também um pouco dos bastidores dessa bebida cada vez mais apreciada no país. E agora chegou a hora de passar um pouco disso adiante. Conhecemos a loja do Mestre-Cervejeiro.com em Araraquara-SP e depois em São Paulo, Capital. Ficamos encantados com o ambiente, a diversidade e a preocupação com a difusão da cultura cervejeira. Fez diferença saber que não é somente uma loja, mas sim um espaço onde é possível aprender e trocar experiências. Nos identificamos muito com isso. Nosso maior objetivo é compartilhar a riqueza da cultura cervejeira com nossos clientes, mostrar que é possível tomar uma cerveja bem feita, bem equilibrada, e colocar à disposição diversos estilos e alguns dos melhores rótulos do mundo. No âmbito pessoal, essa é a realização de um sonho e contamos com todos que quiserem fazer parte dele conosco”, afirma Tiago.

O Mestre-Cervejeiro.com oferece dois modelos de franquia – os formatos de loja de rua e de quiosque. Além de fechar 2015 com 40 unidades em funcionamento, a rede espera chegar até dezembro deste ano com 70 contratos assinados para abertura de novas lojas, a maioria nas regiões Sul e Sudeste. Os interessados em abrir uma franquia do MestreCervejeiro.com deverão preencher um rápido cadastro no site www.mestrecervejeiro.com/franquias ou entrar em contato pelo email: [email protected].

Fonte: Assessoria de Imprensa

Rede Varejista abre e gera mais de 150 empregos na cidade

A rede varejista de materiais para construção Dicico inaugura amanhã sua nova unidade em São José dos Campos.
Foram investidos R$ 4 milhões na nova loja –a 56ª unidade da rede. Na fase da obras, foram gerados 150 postos de trabalho. Para a operação da loja, são 100 empregos diretos e 50 indiretos, todos já preenchidos.

Segundo o diretor regional da Dicico, Marcos Ferreira, todos os trabalhadores são de São José. A loja está localizada na avenida Francisco José Longo, no jardim São Dimas, região central. São 2,6 mil metros quadrados de área total e cerca de 40 mil itens à venda.

Em dezembro passado, a unidade de São José saiu do CenterVale pois procurava um novo local em ponto estratégico da cidade. “Procurávamos um ponto mais central, de fácil acesso e no meio do polo de materiais de construção. Nunca pensamos em abrir mão da cidade”, disse Ferreira.

O Vale

Comerciantes do Centro exigem mais policiamento

Em meio à discussão dos projetos Bela Fachada e Centro Vivo, que têm como objetivo revitalizar o centro de São José dos Campos, funcionários, comerciantes e clientes voltaram a cobrar ontem mais segurança no local. Para eles, mais importante do que reformar as fachadas é aumentar o número de policiais e guardas municipais nas ruas da região.

A atendente Joelma Honorato reclama da iluminação na Praça do Sapo. Todos os dias após o trabalho ela vai a pé para a faculdade. “Eu tenho medo de passar pela praça. Eu passo correndo.” Já Mário Ribeiro, proprietário de uma banca na Praça Afonso Pena, queixou-se da falta de guardas municipais.

“A praça é frequentada por maus elementos. Eu já vi gente fumando maconha à luz do dia. É preciso colocar mais guardas municipais.” Pessoas que trabalham e frequentam o centro de São José consultadas ontem também cobraram a recuperação das calçadas.

No mês passado, foram registradas nove ocorrências no centro, sendo quatro furtos e três roubos ocorridos à noite. O comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar em São José, capitão Sadi Fernando Stamborowski, disse que no centro já é feito policiamento a pé, através de viaturas e através de câmeras de segurança nas ruas. O Ipplan (Instituto de Pesquisa, Administração e Planejamento) disse que com a revitalização, a Praça do Sapo receberá nova iluminação.

O Vale

Horário estendido devido ao final de ano no comércio

Para atrair aqueles que deixaram para comprar os presentes de Natal na última hora, lojas da região central de São José dos Campos e de Taubaté apostam em promoções. Em algumas, o desconto chega a 15%. O movimento no comércio, que está intenso desde o início da semana, deve ficar ainda maior hoje, penúltimo dia antes do Natal.

“Acredito que teremos o auge do movimento nessa sexta-feira (hoje)”, disse o presidente da ACI (Associação Comercial e Industrial de São José), Felipe Cury.

Nos shoppings, a oferta de promoções é menor. Ainda assim, as vendas estão acima do esperado. “Desde o começo do mês, as vendas aumentaram. Nessa reta final, o movimento aumenta a cada dia”, disse o supervisor da Hering, do Vale Sul Shopping, em São José, Rogério Zaglia, 32 anos.

Dentro das lojas, quem deixou para comprar seu presente na reta final sofre com as consequências, como filas no caixa, dificuldades para estacionar e falta de produtos. “Deixei para a última hora, pois parei de trabalhar hoje (ontem). A fila está acima do normal, mas o segredo é ter paciência. As lojas se prepararam muito bem”, disse a dentista Bia Rangel, 51 anos, de São José.

A administradora Silvana Sarlo, 55 anos, culpou o atraso no sorteio do amigo secreto para ir às compras quase na antevéspera do Natal. “A gente acaba sempre deixando para a última hora. Felizmente, o movimento está tranquilo”, disse Silvana, que usou o período do expediente da maioria dos trabalhadores para fugir da fila.

Em Taubaté, os comerciantes do centro comemoram o movimento dessa reta final de vendas. A proprietária da Grife do Branco, Elisabeth dos Santos, 29 anos, disse que a promoção das lojas tem feito com o que o movimento permaneça intenso durante todo o dia. “Toda loja tem promoção”, afirmou.

São José

Lojas de rua na região central e o Shopping Centro
Hoje: até 22h
Amanhã: 9h às 18h

Shoppings:

CenterVale
Hoje: 10h às 24h
Amanhã: 10h às 18h
Colinas
Hoje: 10h às 23h
Amanhã: 10h às 18h
Vale Sul
Hoje: 9h às 23h
Amanhã: 9h às 18h

O Vale

Prédio antigo que abrigava Lojas Americanas, reabre

Após permanecer fechado durante quase quatro anos, o prédio que abrigou a antiga Lojas Americanas, no centro de São José dos Campos, foi reformado e reaberto pelo grupo empresarial Esperança, de Guarulhos. Comercial Esperança é o nome do mais novo supermercado da cidade, inaugurado na semana passada, que atende no atacado e varejo.

Segundo o gerente operacional da loja, Marco Aurélio Serbranes, o empreendimento gerou 200 empregos diretos.
O imóvel, de propriedade do IPSM (Instituto de Previdência do Servidor Municipal), possui 3.200 metros quadrados de área construída e foi locado para o grupo empresarial por R$ 38 mil mensais, por um período de 10 anos.

“A nossa meta é atender aos moradores do centro que não tem um grande centro de compras”, disse o gerente.
A loja de São José é a oitava do grupo, que possui unidades em Guarulhos, Suzano, Mogi das Cruzes e Sorocaba.
O novo supermercado funciona durante a semana das 7h30 às 21h e aos domingos, até as 13h.

A inauguração da loja integra o plano de revitalização do centro comercial de São José. O superintendente do IPSM, Oilze dos Santos Filhos, disse que a ocupação do imóvel é boa para toda a cidade.

O Vale