oficina01 Cultural
Publicado em 29/03/2019 às 09:15

Oficina de dança gratuita no CET

Após passar pela cidade de São José do Rio Pardo, a bailarina Ayumi Hanada, formada em Dança pela Universidade Estadual de Campinas, leva a São José dos Campos o projeto Fluxo em Redes, que visa trabalhar com improvisação em dança para a cena e busca unir essa arte às novas tecnologias que surgiram nos últimos anos. Ela ministrará uma oficina entre os 01 e 11 de abril, no Centro de Estudos Teatrais (Fundação Cultural Cassiano Ricardo), que vai resultar em duas apresentações, que acontecerão dias 12 e 13 de abril, no mesmo local. O projeto também conta com a colaboração do músico Gustavo de Angelis e do criador multimídia Vítor Machado Rocha.

Os participantes da oficina vão entrar em contato com técnicas de improvisação em dança, a partir da pesquisa realizada por Ayumi. Ela acredita que a criação da coreografia só será possível através de uma rede que se formará entre os participantes da oficina. O resultado final que será apresentado, também será pautado na improvisação. O objetivo dos artistas envolvidos no projeto Fluxo em Redes é abrir espaço para que a criação do espetáculo seja feita a partir das experiências individuais dos participantes. Assim como a coreografia, a trilha também será improvisada e tocada ao vivo, tornando cada apresentação única, criada no momento em que acontece.

Na tentativa de aproximar cada vez mais as artes do mundo contemporâneo, as apresentações serão filmadas e transmitidas ao vivo através da internet, e poderão ser assistidas de qualquer lugar. Ao mesmo tempo, a mesma filmagem será projetada em um telão colocado no palco, junto com os bailarinos, dando a possibilidade do público escolher como quer assistir à apresentação. Assim, os artistas envolvidos querem desafiar as formas tradicionais de apreciar uma coreografia, dialogando com as novas ferramentas que surgem com muita rapidez, como computadores, celulares, internet e redes sociais. Haverá também o registro de fotos e vídeos das oficinas, e todo o material será publicado na internet.

As inscrições estão sendo feitas através do link https://goo.gl/forms/u9NSWFGDHU3X2gKV2. Para dúvidas, enviar e-mail para fluxoemredes@gmail.com. As 25 vagas da oficina serão preenchidas por pessoas com mais de 16 anos, que já tenham tido contato com a linguagem da dança. A transmissão das apresentações pode ser acompanhada através do site fluxoemredes.wixsite.com/experimento01. Todas as atividades são gratuitas.

 

SERVIÇO

Oficina: 01 a 11 de abril (exceto sábado e domingo) das 19:00 às 21:30

Apresentações: 12 e 13 de abril às 20:00

Entrada gratuita

Local: CET – Centro de Estudos Teatrais (Fundação Cultural Cassiano Ricardo)
Av. Olivo Gomes, 100 Parque da Cidade Roberto Burle Marx – Santana, São José dos Campos

 

SINOPSE
O grande desafio é estarmos juntos.
Estar junto é se abrir pro encontro
Olhar no olho
Tocar a pele.
não só.
É conectar-se
criar redes
é a possibilidade de encontros
fragmenta – dos
que
permitem
reduzir distâncias.
gerado pelo movimento, o encontro.
Da dança, a acolhida .
Se expor.
Como você se coloca no mundo ?
_____________________________________________
O projeto Fluxo em redes – #experimento01 é um convite à instabilidade, aos encontros, às descobertas e aos experimentos. É se conectar estando perto ou longe através de meios presenciais e virtuais. É uma proposta de criação de redes através de fluxos que permitem a mudança a cada encontro e a cada diferente visão sobre um mesmo trabalho.
FICHA TÉCNICA
Concepção fluxo em redes: Ayumi Hanada
Residência artística: Ayumi Hanada
Colaboração: Gustavo de Angelis
Intérpretes-criadores: Ayumi Hanada e convidados (esses convidados serão as 5 diferentes pessoas em cada cidade, que eu só vou saber nas semanas de residência mesmo. como você acha legal de colocarmos ?)
Músico: Gustavo de Angelis
Criador audiovisual/multimidia: Vitor Machado Rocha
Iluminação: Antônio Rodrigues
Fotografia: Ariane Almeida
Arte gráfica: Rafaela Bermond
Assessoria de Imprensa: Lucas Sequinato
Produção executiva: Fluxo em redes – Ayumi Hanada
Fonte: Lucas Sequinato
Fotos: Lucas Sequinato