Libercanto comemora 25 anos na Sala Mário Covas

Clássicos da MPB e internacionais. Assim será a comemoração dos 25 anos de existência do coral Libercanto. A apresentação será neste domingo (8), às 19h, na Sala Mário Covas (Praça Afonso Pena, 29), centro de São José dos Campos. A entrada é gratuita.
Nesse espetáculo, o grupo vai interpretar mais de 20 canções de compositores como Mozart, o argentino Astor Piazzolla, Chico Buarque, Milton Nascimento, Tom Jobim e até música dos índios Pareci, do Mato Grosso.

Formado por 30 integrantes, o Libercanto foi criado em setembro de 1988 sob a liderança da maestrina Ana Yara Campos com o nome inspirado em um dos mais conhecidos tangos do compositor argentino Astor Piazzolla.

Nessa trajetória, o Libercanto fez centenas de apresentações em teatros, escolas, igrejas, parques, empresas e praças em São José dos Campos, em São Paulo, em várias cidades de Vale do Paraíba, Minas Gerais e Paraná. Nesses 25 anos, o coral gravou dois CDs e foi 4º colocado no Mapa Cultural Paulista.

O Libercanto é uma entidade sem fins lucrativos. Durante as apresentações, além da música o grupo também utiliza textos, elementos de expressão corporal e adereços para ajudar na compreensão do tema das apresentações.

Entre os temas abordados pelo Libercanto, estiveram a poesia de Carlos Drummond de Andrade e de Chico Buarque, a luta de Zumbi dos Palmares, a diversidade sexual e a união entre os povos latino-americanos.