Câmara aprova participação da cidade em consórcio do SAMU

A Câmara aprovou por unanimidade, na sessão de quinta-feira (19), o projeto de lei de autoria do Executivo que autoriza o Município a participar do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Alto Vale do Paraíba (Consavap). O Consórcio será responsável por planejar, executar, coordenar e acompanhar as medidas para o desenvolvimento da saúde pública, especialmente no que se refere à implantação do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) na região.

Oito municípios integram o consórcio: São José dos Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca, Paraibuna, Monteiro Lobato, Igaratá e Jambeiro. Segundo o IBGEeles somam uma população estimada de 993.867 habitantes. O próximo passo será nomear os representantes do consórcio, de cada município, para que o Consavap seja efetivamente instalado e inicie os trabalhos. A estimativa é de que o SAMU Regional tenha cerca de 300 funcionários, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, motoristas para os veículos de urgência, entre outros. A previsão é que o SAMU regional esteja em pleno funcionamento ainda no primeiro trimestre do próximo ano.

Estão previstas 20 ambulâncias para a região: 2 de suporte avançado (UTI) e 7 de suporte básico para São José dos Campos, 1 de suporte avançado (UTI) e 3 suporte básico em Jacareí, 2 de suporte básico Caçapava e uma unidade de suporte básico para cada uma das demais cidades do consórcio (Paraibuna, Santa Branca, Igaratá, Jambeiro e Monteiro Lobato. “A instalação do SAMU exige inúmeras providências, já que dependemos de outros municípios para que o projeto se torne realidade. Mas o trabalho está avançando cada dia mais, e estamos muito satisfeitos com os progressos já realizados”, disse o secretário da Saúde de São José.

Para este ano, o investimento do município no SAMU está estimado em R$ 1.228.380,11, para a reforma e adequação predial para a implantação da Central de Regulação do SAMU, que ficará instalado junto ao COI, além da construção das bases descentralizadas. Várias reuniões entre os municípios já foram realizadas, pois a regionalização do serviço é uma exigência do Ministério da Saúde. O projeto da Central de Regulação Médica do SAMU já foi aprovado pelo Ministério e será instalada junto ao prédio do COI.

No início do mês passado, os prefeitos de oito cidades da região do Vale do Paraíba assinaram o protocolo de intenções para a formação do Consórcio Intermunicipal de Saúde. No dia 28 de agosto, foi instalado oficialmente o Comitê Gestor Municipal de Urgência e Emergência, de São José dos Campos. Todos os representantes indicados tomaram posse e fizeram a primeira reunião. Por último, na semana passada, foi definida a localização das 9 bases do SAMU em São José dos Campos que, para facilitar o acesso das ambulâncias a todas as regiões da cidade, ficou assim distribuído:

Zona Norte
Hospital Clínicas Norte (Rua Alziro Lebrão, 76, Alto da Ponte)

Zona Sul 1
Base do Corpo de Bombeiros do Parque Industrial (Praça Natal, 1210, Parque Industrial)

Zona Sul 2
UPA Campo dos Alemães (Avenida João Oliveria e Silva, s/nº)

Zona Leste 1
Base do Corpo de Bombeiros Vila Industrial (Rua Professor Felício Savastano, 350)

Zona Leste 2
Base do Corpo de Bombeiros do Cajuru (Estrada do Cajuru, 250)

Centro
Base do Corpo de Bombeiros Vila Bethânia (Avenida Deputado Benedito Matarazzo, 7.963)
UPA de São Francisco Xavier (Estrada Pedro Davi, s/nº)